quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Para Francisco agora é sommelier

Durante uma visita ao Vaticano, o presidente da Associação Italiana de Sommeliers, Franco Maria Ricci, junto com mais 180 produtores de vinhos, sommeliers e críticos de vinho, concederam na semana passada ao Papa Francisco um diploma honorário de sommelier.


A ideia da homenagem surgiu pelo fato do Papa ser um entusiasta do vinho, sempre fazendo declarações positivas acerca da bebida.Ele chegou a declarar em um evento que "sem vinho, não há festa". Francisco afirmou que bebe um pouco de vinho italiano e de outros países. "Mas só um pouco", frisou. O avô do Papa Francisco era enólogo, de origem piemontesa.

O Papa ainda ganhou da delegação uma caixa de madeira com dois vinhos tintos e um tastevin, recipiente de prata utilizado antigamente para se degustar e avaliar vinhos.

REFERÊNCIAS - Na Bíblia, existem 224 citações sobre a bebida e o primeiro milagre de Jesus foi transformar água em vinho. Portanto, não é novidade os cristãos apreciarem o vinho, mesmo aqueles mais "fervorosos". O segredo está apenas na moderação.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Homem furta garrafa de Romanée-Conti avaliada em R$ 78 mil e diz que iria bebê-la sozinho

Um curioso episódio aconteceu no mês passado, em Londres. Boris Chaudemanche foi flagrado saindo da loja de departamento Harrods, em Knightsbridge, segurando nas mãos simplesmente uma garrafa do icônico vinho francês Romanée-Conti, avaliada em 20 mil libras (R$ 78 mil).


Durante audiência, o ladrão afirmou que não tinha ideia do preço do vinho e que não iria vendê-lo, mas sim bebê-lo sozinho. Seu “truque” para furtar objetos era embalá-los em papel alumínio, segundo o jornal Telegraph. Chaudemanche achava que a bebida custava entre 45 e 70 libras e ficou espantado quando soube do preço real da garrafa.

Sua sentença sairia nesta segunda-feira (26), mas audiência foi adiada para fevereiro, para que os investigadores avaliem se ele tem problemas com álcool. Chaudemanche tem 34 anos e admite que bebe uma garrafa de whisky a cada dois dias.

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Miguel Torres Reserva de Pueblo País 2012

Tipo: Tinto.
Produtor: Miguel Torres.
Origem: Vale de Curicó, Chile.
Visual: Cor rubi clara, puxando para granada.
Olfato: Muito rico em sensações. Exibe notas florais, licorosas, de canela, noz moscada, e compota de frutas vermelhas.
Paladar: Médio corpo. Taninos boa qualidade estão bem presente, que junto com uma correta acidez dão ao vinho um bom equilíbrio. Final longo e adocicado. Madeira integrada ao conjunto. Um vinho bem diferente, com bastante fruta, mas com algo que lhe dá um caráter exótico, talvez pelo conjunto das notas licorosas e de especiarias.
Outras considerações: Elaborado com a uva País, antiga variedade que vem sendo resgatada no Chile, o vinho teve breve fermentação em barricas. Sua graduação alcoólica é de 12%. Leve e agradável.


Classificação: Muito Bom.
Média de preço: R$ 36 (esgotado no wine.com.br)

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Louis Roederer tem nova importação exclusiva no Brasil

Quando se fala em marcas ícones de champagne, a maioria dos apreciadores da bebida lembrará certamente da Cristal. Trata-se de um dos rótulos de maior prestígio da região e o mais emblemático da tradicional Maison Louis Roederer, que agora tem novos importadores para o Brasil. As empresas-irmãs Épice e Licínio Dias (LD) Importação ganharam uma concorrência e agora têm a exclusividade da marca no país.


A história da Louis Roederer começou em 1776, quando Nicholas-Henri Schreider fundou a Dubois Père & Fils.Porém, marca só ganhou o seu nome atual quando Louis Roederer, sobrinho de Nicholas, assumiu a empresa, em 1883.

Louis deu uma “oxigenada” nos negócios incrementando as vendas e as exportações. Em 1876, o czar da Rússia Alexandre II, grande apreciador de champagnes, pediu que a Louis Roederer produzisse para ele um champagne único e exclusivo. Foi então que surgiu oo Cristal. Engarrafado em cristal Baccarat, era o primeiro Cuvée Prestige da história de Champagne.


A partir de 1945, o champanhe Cristal começou a ser comercializado em garrafas de vidro branco, mas o conteúdo continuou fiel às suas origens, seguindo rigorosos padrões de elaboração.

Além do Cristal, a Épice e a LD têm no portfólio os champagnes Louis Roederer Brut Premier branco e rosé.

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Traga sua garrafa e se abasteça de vinho

Escolha uma garrafa de um, dois ou cinco litros e abasteça com o vinho de sua preferência. Esse conceito que resgata a venda de vinho a granel foi recentemente relançado por uma nova loja de vinhos instalada em Lisboa, Portugal.


 A Oficina de Vinhos foi fundada por três amigos que decidiram aproximar os pequenos produtores do consumidor final. “A distribuição do vinho está normalmente nas mãos de grandes distribuidores, e os pequenos produtores muitas vezes têm dificuldades em escoar o seu produto”, explica um dos sócios, Jorge Encarnação.

No local existem quatro grandes tanques de inox, sendo dois de vinhos tintos e dois de brancos. Também existem outros reservatórios menores contendo vinhos de pequenos produtores de diferentes regiões. Nesta segunda área, os clientes podem ver apenas as torneiras que saem da parede.


Na primeira compra, o cliente paga uma taxa pelo seu recipiente. Mas nas próximas idas à loja ele pode trazer a mesma garrafa de casa e reutilizá-la.

Depois de escolher o seu vinho se servir na torneirinha, a garrafa do cliente recebe um rótulo adesivo com as informações básicas sobre a bebida, como tipo, safra e região.

A Oficina de Vinhos também vende vinhos engarrafados, mas o charme fica mesmo por conta do seu "self-service".

Oficina do Vinho
Rua Correia Teles, 22ª, Lisboa

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

LD Importação faz promoção com vinho em dobro

Quem mora em Recife, Natal ou João Pessoa, tem uma boa chance de comprar bons vinhos pagando um e levando mais outro rótulo diferente, de graça. A liquidação, promovida pela Licínio Dias (LD) Importação, vai até o dia 30 de janeiro.

Confira algumas das ofertas:



:: Hito (Espanha,Ribera del Duero) + Tamarí AR Malbec (Argentina, Mendoza) = R$ 83,79

:: Tenuta Rocca Langhe Chardonnay (Itália, Piemonte) + Howard's Folly (Portugal, Alentejo) = R$ 79,10

:: Tenuta Rocca Nebbiolo D'Alba (ITália, Piemonte) + Quinta Casa Amarela Reserva Porto (Portugal, Douro) = R$ 122,94

:: Quinta Casa Amarela DOC (Portugal, Douro) + Rosé Monte da Peceguina (Portugal, Alentejo) = R$ 80,32

:: Herdade do Portocarro (Portugal, Terras do Sado) + Casa dos Zagalos (Portugal, Alentejo) = R$ 104, 74

Os pedidos mínimos são de R$ 200,00 e as compras podem ser divididas em até três vezes nos principais cartões de crédito.

Vendas: (81) 3125.8080 | vendas@liciniodias.com.br [atendimento de segunda a sexta, no horário comercial]

domingo, 18 de janeiro de 2015

Casa Valduga Reserva Brut Blush



Tipo: Espumante.
Produtor: Casa Valduga.
Origem: Vale dos Vinhedos, RS, Brasil.
Visual: Cor rosa pálido. Borbulhas finas, intensas e duradouras.
Olfato: Leve aroma de frutas vermelhas silvestres que aparecem casadas com notas de frutas secas e de panificação.
Paladar: Cremoso, fresco e muito elegante. Sabor que remete às sensações do nariz.
Outras considerações: Elaborado com uvas Chardonnay (50%) e Pinot Noir (50%), é um espumante elaborado pelo método tradicional, com segunda fermentação em garrafa, e maturação em contato com as leveduras durante 25 meses.

Classificação: Muito Bom/Excelente.
Média de preço: R$ 55

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Primeira loja on-line de packs de vinhos do Brasil será lançada hoje

A importadora e distribuidora Lacomex lançará às 20h desta quinta (15), uma nova proposta em e-commerce de vinhos. Trata-se do Wine in Pack (www.wineinpack.com.br), primeira loja virtual de packs de vinhos do Brasil. O site comercializará apenas kits de vinhos, com a proposta de oferecer opções para diferentes momentos de comemoração.


Quem está por trás da operação do Wine in Pack é a empresa pernambucana Lacomex, fundada há 21 anos. Ela será a importadora exclusiva do site, oferecendo cerca de cem rótulos que traz diretamente de outros países, compondo um total de aproximadamente 400 vinhos incluindo os que são distribuídos pela empresa.

“Criamos dois novos modelos de negócio: um clube de vinhos das principais regiões produtoras do mundo e uma loja on-line que oferece packs para os seus melhores momentos”, observa o Analista de Mercado de Vinhos Aloisio Sotero, um dos idealizadores e sócios do projeto.

Para o fundador da Lacomex, Luiz Figueiredo (foto abaixo), durante todos esses anos a empresa vem angariando experiência e tecnologia para chegar ao ponto de inovar na região Nordeste. “Sempre acreditei nesse mercado, onde a empresa Wine foi pioneira. Porém, não queremos ser cópia de ninguém e quebramos a cabeça para fazer uma coisa diferente”, explicou ele, lembrando que contou com grande ajuda de Aloisio Sotero, co-fundador da Wine, para construir o projeto. Ainda estão por trás do negócio os sommeliers Marco Antônio Freitas, cartógrafo de vinhos da Lacomex, e Luiz Figueiredo Filho, o Wine Care do projeto.


Há dois anos, a empresa vem importando rótulos exclusivos da Europa, principalmente da França e Itália. Este ano, novos vinhos de Portugal e da Espanha vão compor o portfólio da casa. “Estamos cada vez mais ampliando esse leque”, revela Luiz Figueiredo, observando que a operação de recebimento da mercadoria está baseada no porto de Suape, litoral sul de Pernambuco.

Mas por que packs? Segundo Figueiredo, trata-se de uma chance do consumidor ter opções diferenciadas para momentos de celebração, como aniversário, casamento, Carnaval, Páscoa, entre outros. O site foi planejado para oferecer opções que se encaixem exatamente na experiência que o consumidor quer ter. “Imagine você poder oferecer um jantar na sua casa com as melhores opções de vinhos de entrada, principal e sobremesa”, propõe Aloisio Sotero. Essa é uma das ideias que a loja virtual vai oferecer, com proposta de preços diferenciados e brindes a cada compra.

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Fleur du Cap Sauvignon Blanc 2013


Tipo: Branco.
Produtor: Fleur du Cap.
Origem: Western Cape, África do Sul.
Visual: Cor amarelo palha com tons esverdeados.
Olfato: Agradável e aromático, envolve notas cítricas, de frutas tropicais, floral e mineral.
Paladar: Marcado pela boa acidez e pelo final prolongado. Seu sabor remete a frutas cítricas junto com um toque herbáceo.
Outras considerações: Elaborado com uvas Sauvignon Blanc, é um branco elegante, muito agradável. Não foi filtrado. Tem 13,5% de álcool.

Classificação: Muito Bom.
Média de preço: R$ 70.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Pesquisa mostra que personalidade influi na preferência do vinho

A instituição ""French Wines With Style" realizou uma pesquisa no Reino Unido com mais de 2 mil participantes que responderam sobre diferentes questões sobre os aspectos de sua vida, assim como seu vinho preferido.


Segundo o porta-voz da entidade, Gerard Basset, as pessoas com certos traços de personalidade são mais propensas a escolher um determinado tipo de vinho. A pesquisa dividiu os bebedores de vinho em três classificações: os amantes de vinho tinto, os de vinho branco e os de vinho rosé.

Confira os resultados:

BEBEDORES DE VINHO TINTO:

Estilo de vida - São mais propensos a ter uma vida de casado, com família formada. A maioria tem título universitário e bebe vinho com mais frequencia que as outras categorias da pesquisa.

Traços de personalidade - Se autodefinem como relaxados, inteligentes e confiantes.

Nível econômico - São os que mais ganham em comparação com o restante, numa média de 64.500 a 72.500 dólares por ano.

Interesses - Gostam de viajar e conhecer novos lugares, principalmente para o exterior, e se descrevem como pessoas cultas.

BEBEDORES DE VINHO BRANCO:

Estilo de vida - Apenas 43% frequentou a universidade. São mais propensos a viver só. Um percentual de 85% disse não estar interessado em ter uma relação amorosa com outra pessoa.

Traços de personalidade - Se definem como práticos, tranquilos, um pouco tímidos e reservados.

Nível econômico - Ganham de 40.000 a 48.000 dólares por ano. A maioria está satisfeita com sua situação e tem pouco interesse em ascender economicamente

Interesses - Preferem viagens em seu país natal ao invés do exterior. Nada de lugares estranhos ou remotos.

BEBEDORES DE VINHO ROSÉ:

Estilo de vida - Gostam de viver a dois, porém sem formalizar a união. Mais da metade (55%) abandonou os estudos por volta dos 18 anos. São mais despreocupados.

Traços de personalidade - Se definem como "quentes" e encantadores.

Nível econômico - Ganham cerca de 30 mil dólares ao ano.

Interesses - São os reis das redes sociais, principalmente do Facebook.

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Que Guapo 2013


Tipo: Tinto.
Produtor: Las Perdices.
Origem: Mendoza, Argentina.
Visual: Cor violeta, de média intensidade.
Olfato: Maduro, com muita especiaria, pimentão, chocolate, frutas vermelhas e negras.
Paladar: Encorpado, de taninos bem marcantes. As especiarias também predominam no sabor, que traz novamente as frutas maduras. Leve amargor final.
Outras considerações: Um vinho simples. Típico “malbecão” argentino que melhora acompanhando comida, principalmente carnes vermelhas. Elaborado com 60% Malbec, 20% Bonarda e 20% Syrah, amadureceu seis meses em carvalho francês e americano. Tem 14,5% de álcool. O rótulo chama atenção pelo seu bonito colorido, que reproduz as casinhas do Caminito, em Buenos Aires.

Classificação: Regular/Bom.
Média de preço: R$ 34 [www.wine.com.br]

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Velante Pinot Grigio IGT 2012


Tipo: Branco.
Produtor: Cantina Bertani.
Origem: Veneto, Itália.
Visual: Cor amarelo palha com reflexos acobreados.
Olfato: Discreto e elegante. Envolve um leve aroma de frutas brancas, como pera e melão.
Paladar: Frutado, exibe uma boa acidez que provoca agradável frescor. Macio e de corpo leve.
Outras considerações: Elaborado 100% com uvas Pinot Grigio, o vinho tem 12,5% de álcool. Permaneceu em contato com as leveduras durante cinco meses. Um vinho com pouca complexidade e persistência, porém muito agradável para ser tomado como aperitivo, bem resfriado. Acompanha pratos leves de frutos do mar e saladas.

Classificação: Bom.

Média de preço: R$ 47

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Americanos criam "preservativo" para vinhos

Um invólucro de borracha no formato de uma camisinha foi inventada por uma mãe e seu filho, Laura Bartlett e Mitchell Strahan, moradores de Dallas, nos Estados Unidos, com o intuito de conservar o vinho na garrafa após ela ser aberta.


O acessório, batizado de Wine Condoms, foi viabilizado através de crowdfunding (financiamento coletivo) e está à venda através do site (www.winecondoms.com). A ideia surgiu quando Laura chegou em casa com a garrafa aberta e tentou fechá-la usando um envoltório de borracha.

Os criadores dos Wine Condoms dizem que o acessório é válido apenas para garrafas de vinhos tranquilos, pois não suportariam a pressão de um espumante.

Um pacote contém dez "camisinhas" embaladas individualmente.

*Entrei no site para ver quanto custa e lá diz que os produtos estão esgotados, mas em breve deverão voltar ao estoque.

Site especializado em venda de vinhos em packs será lançado este mês

Pensando no conceito de praticidade aliado à economia, a importadora e distribuidora Lacomex resolveu lançar, no próximo dia 15, a primeira loja online de packs de vinhos do Brasil. O www.wineinpack.com.br vai comercializar apenas seleções de vinhos, a partir de duas garrafas.


Cerca de 400 diferentes rótulos serão oferecidos pelo site, com seleções voltadas para diferentes tipos de ocasiões, como verão, Carnaval, Páscoa, festas de fim de ano, casamento, entre outras. O Wine in Pack ainda vai oferecer kits temáticos, por tipo de vinho, de uva ou país produtor.

“Todos esses rótulos já estão nas cartas de vinhos de restaurantes”, explica o Analista de Mercado de Vinhos Aloisio Sotero, um dos idealizadores e sócios do projeto. Segundo ele, a ideia é proporcionar ao cliente as melhores opções de vinho para consumir em diferentes momentos. “São vinhos para celebrar”, explica.

Sotero ressalta também o fator economia, uma vez que um volume maior de compras proporciona possibilidade de um menor preço.

Apesar de ainda não ter sido lançado oficialmente, o site já tem novidades para os clientes. Ao se cadastrar, eles ganham um conjunto de quatro taças Summer Colors de brinde em sua primeira compra na loja online.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Raposeira Reserva Bruto 2008


Tipo: Espumante.
Produtor: Caves Raposeira.
Origem: Lamego, Portugal.
Visual: Cor amarelo palha. Bolhas de tamanho médio, em boa quantidade e durabilidade.
Olfato: Discreto e elegante. Aparecem notas de frutas brancas, como lichia, e um toque adocicado de leveduras, lembrando brioche.
Paladar: Delicado, repete as sensações do nariz. É um espumante maduro, com boa acidez e final prolongado.
Outras considerações: Elaborado através do método tradicional, com segunda fermentação em garrafa, este clássico português maturou pelo menos dois anos nas caves da Raposeira, vinícola fundada em 1898. Tem 12% de álcool. Caiu muito bem acompanhado de comida japonesa.

Classificação: Muito Bom/Excelente.
Média de preço: R$ 55 [Importado pela LD. À venda na Casa dos Frios]

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Boas compras de 2014: rótulos até R$ 35

A busca da boa relação entre preço e qualidade dos vinhos é uma constante aqui no blog. A intenção é provar que se pode beber rótulos agradáveis e de preço justo. Muitas vezes eu “quebro a cara” nessa busca, mas em algumas vezes termino acertando em cheio. Confesso que fico muito feliz quando isso acontece.

Para fechar bem o ano, resolvi fazer uma lista de alguns vinhos até R$ 35 que tomei durante 2014 e que não fizeram feio na taça. Confira:

ESPUMANTES:


Casa Valduga Arte Tradicional Brut (Brasil)
Rio Sol Brut Rosé (Brasil)
Santa Augusta Demi-Sec Rosé (Brasil)
Salton Prosecco (Brasil)
Terranova Blanc de Blancs Brut (Brasil|)

BRANCOS:


Dos Fincas Chardonnay 2012 (Argentina)
Salton Paradoxo Gewürztraminer 2014 (Brasil)
Rio Sol Chenin Blanc e Viognier 2013 (Brasil)
Urmeneta Sauvignon Blanc 2013 (Chile)
Tantehue Chardonnay 2013 (Chile)
Casas del Toqui Sauvignon Blanc 2014 (Chile)
Monte Paschoal Virtus Chardonnay 2013 (Brasil)
Tarapacá terroir La Isla Sauvignon Blanc 2012 (Chile)
Viapiana Green (Brasil)

TINTOS:


Monte das Ânforas 2011 (Portugal)
Siglo de Oro Reserva Carmenère 2013 (Chile)
Danger Point Cabernet Sauvignon  Merlot 2013 (África do Sul)
Monte Velho Tinto 2010 (Portugal)
Salton Paradoxo Merlot 2012 (Brasil)
Moinho do Gato da Quinta do Romeu 2011 (Portugal)
Franc Beauséjour Bordeaux 2012 (França)
Alfredo Roca Fincas Pinot Noir 2012 (Argentina)
Rio Sol Syrah 2013 (Brasil)
Dal Pizzol Gamay 2013 (Brasil)
Rapariga da Quinta Select 2011 (Portugal)
Trivento Tribu Malbec 2012 (Argentina)

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Os melhores de 2014 na taça do Escrivinhos

Definitivamente, não tenho do que reclamar. O ano de 2014 foi repleto de descobertas na taça. Pude viajar, provar alguns ícones do universo do vinho e ainda aprender bastante em degustações e cursos, tal como o nível 3 da Wine & Spirit, no qual fui aprovada.

Acredito que alguns rótulos podem ter "passado batidos" nesta lista. Mas aí está o que de melhor entrou na minha taça neste ano. Espero que aproveite as dicas. Um brinde e até 2015!

ESPUMANTES

Excelente/Excepcional:
Champagne Moët & Chandon Grand Vintage 2004 (França)
Champagne Mumm Cordon Rouge Brut 2004 (França)
Champagne deutz Blanc de Blancs 2007 (França)



Excelente:
Ferrari Maximum Brut (Itália)
Champagne Louis Roederer Brut Premier (França)
Ferrari Perlé 2007 (Itália)]
Casa Valduga 130 Brut (Brasil)
Miolo Millesime (Brasil)

Muito Bom/Excelente:
Santa Digna Estelado Rosé (Chile)
3B Método Tradicional (Portugal)
Monte Paschoal Dedicato Brut Champenoise (Brasil)
Kaiken Brut (Argentina)

Muito Bom:
Dunamis Ar Brut Rosé (Brasil)
Les Amis Rosé Brut (França)
Ca’Sisa Prosecco DOC Treviso Extra Dry (Itália)
Les Caves du Roi Pinot Chardonnay (Itália)
Cava Don Roman Brut (Espanha)

BRANCOS

Excelente/Excepcional:
Von Bühl Forster Ungeheuer Grosses Gewächs Riesling 2008 (Alemanha)
Les Hauts de Smith Blanc 2011 (França)
Pêra-Manca Branco 2009 (Portugal)


Excelente:
DV Catena Chardonnay/Chardonnay 2011 (Argentina)
Guru Branco 2012 (Portugal)
Esporão Reserva Branco 2012 (Portugal)
Nossa Calcário Branco 2013 (Portugal)
Amayna 2010 (Chile)
Mornington Peninsula Stonier 2011 (Austrália)
Schlossberg Alsace Grand Cru Riesling Blank 2008 (França)
Foreau Vouvray Demi Sec 2009 (França)
Dönnhoff Riesling Kabinett 2010 (Alemanha)
Künstler Riesling Spätlese 2008 (Alemanha)


Muito Bom/Excelente:
Las Perdices Torrontés 2012 (Argentina)
Milmanda 2008 (Espanha)
FP Bical e Arinto 2013 (Portugal)
Duas Quintas Reserva Branco 2012 (Portugal)
Carvalhas Douro DOC Branco 2011 (Portugal)
Viña Progreso Reserva Viognier 2013 (Uruguai)
Vila Vita Branco 2012 (Portugal)
Protos Verdejo 2012 (Espanha)

Muito Bom:
Viapiana Green (Brasil)
Altas Cumbres Viognier 2012 (Argentina)
Max Reserva Sauvignon Blanc 2013 (Chile)
Chablis Premier Cru Beauroy Alain Geoffroy 2009 (França)
Evel Douro DOC Branco 2012 (Portugal)
Quinta da Aveleda Vinho Verde 2012 (Portugal)
Three Steps Premium Chardonnay 2010 (Austrália)
Château de Tracy Pouilly-Fumé 2008 (França)
Hiedler Grüner Veltliner 2010 (Áustria)

TINTOS

Excepcional:
Château Cheval Blanc 2001 (França)
Viña Ardanza Reserva Especial 2001 (Espanha)
Castello Banfi Brunello di Montalcino 2004 (Itália)


Excelente/Excepcional:
Château Petrus 2007 (França)
Pintas 2012 (Portugal)
Mas La Plana 2009 (Espanha)
Nossa Calcário Tinto 2011 (POrtugal)
Don Maximiano Founder’s Reserve 2009 (Chile)
Brunello di Montalcino Pieve Santa Restituta GAJA 2007 (Itália)
Carvalhas Douro DOC Tinto 2011 (Portugal)
Kaiken Ultra Malbec 2010 (Argentina)
Encierra 2009 (Chile)
La Rioja Alta Gran Reserva 904 2001 (Espanha)
Fuentespina F 2004 (Espanha)
Rivetto Barolo 2004 (Itália)
Château Les Cabannes Saint Emilion Grand Cru 2010 (França)
Roquette e Cazes 2011 (Portugal)
Pio Cesare Barbaresco 2006 (Itália)
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2009 (Portugal)
Castello Banfi Brunello di Montalcino 2007 (Itália)


Excelente:
Salton Septimum 2009 (Brasil)
Maximo Boschi Merlot 2005 (Brasil)
Sasso di Sole Brunello di Montalcino 2009 (Itália)
Salmos 2011 (Espanha)
Gattinara Travaglini 2007 (Itália)
Valduero Crianza 2010 (Espanha)
Alto Uxmal Alternative Style Malbec 2011 (Argentina)
Rutini Encuentro Malbec 2010 (Argentina)
Humberto Canale Íntimo Cabernet Sauvignon 2009 (Argentina)
Censurato Reserva Cabernet Sauvignon 2011 (Brasil)
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2009 (Portugal)
Duas Quintas Reserva Tinto 2008 (Portugal)
Herdade São Miguel Colheita Seleccionada 2010 (Portugal)
Domaine Chanzy Mercurey Les Carabys 2009 (França)
Château Louvie Cuvée Veyry 2009 (França)
Kaiken Reserva Cabernet Sauvignon 2010 (Argentina)
Kaiken Terroir Series Corte 2011 (Argentina)
Amarone della Valpolicella Classico San Paolo 2008 (Itália)
Facundo Garcia Schwaderer 2010 (Chile)
Domaine la Croix Belle Le Champ Du Coq 2010 (França)
Ferrero Brunello di Montalcino DOCG 2004 (Itália)
Gran Toqui Syrah 2009 (Chile)
Chateau Saint Jean Plan de Dieu Côtes du Rhône Villages 2011 (França)
Les Fiefs de Lagrange 2005 (França)
Guado al Tasso Bolgheri Superiore 2003 (Itália)
Grattamacco Bolgheri Superiori 2009 (Itália)
Tinorso Rosso Toscana (Itália)
Montes Alpha Pinot Noir 2012 (Argentina)
Montes Alpha Cabernet Sauvignon 2010 (Argentina)
St Hallett Faith Shiraz 2004 (Austrália)
Châreau Gisccours Grand Cru Classé Margaux 2008 (França)
Gigondas Brunel de La Gardine 2007 (França)
Amarone Colle Cristi 2009 (Itália)


Muito Bom/Excelente:
Crasto Superior Tinto 2009 (Portugal)
Passadouro Tinto 2011 (Portugal)
Les Amis Bourgogne Pinot Noir 2011 (França)
Vinha Val dos Alhos Castelão 2011 (Portugal)
Felino Malbec 2012 (Argentina)
Altos las Hormigas Clasico 2013 (Argentina)
Errazuriz The Blend 2008 (Chile)
Duas Quintas Tinto 2008 (Portugal)
Viña Progreso Reserva Tannat 2008 (Uruguai)
Sasso di Sole Orcia Rosso DOC 2010 (Itália)
Fattoria del Cerro Vino Nobile di Montepulciano DOCG 2009 (itália)
Altesino Brunello di Montalcino DOCG 2004 (itália)
Finca la Anita Syrah 2011 (Argentina)
Narké dei Poeti Nero D'avola 2010 (Itália)
Poderi Le Ripi Amore e Magia Rosso di Montalcino 2009 (Itália)
Torrato Barbaresco 2007 (Itália)
Fortant de France Terroir de Collines Merlot 2013 (França)


Muito Bom:
Bobal deSanjuan DOP 2011 (Espanha)
Casa de Pancas Selecção do Enólogo 2012 (Portugal)
Bueno Paralelo 31 2011 (Brasil)
Bueno La Valletta Sangiovese 2011 (Itália)
Carlos Montes Tannat Crianza 2010 (Uruguai)
Chianti Poggio Capponi DOCG 2012 (Itália)
Cordillera Carmenère 2009 (Chile)
FP Baga 2013 (Portugal)
Max Reserva Pinot Noir 2012 (Chile)
Traços Gran Reserva Top Blend 2012 (Brasil)
Arrogant Frog Ribet Red Cabernet Sauvignon Merlot 2010 (França)
Quinta do Romeu Tinto 2010 (Portugal)
Francis Ford Coppola Director's Cut Cabernet Sauvignon 2010 (EUA)
RAR 2006 (Brasil)
Grande Vadio 2011 (Portugal)
Chono Single Vineyard Carmenère 2012 (Chile)
Fattoria dei Barbi Rosso di Montalcino 2011 (Itália)
Jean-Luc Colombo Les Lauves Saint-Joseph Syrah 2009 (França)
Chateau Chevaliers Lagrezette Malbec 2004 (França)
Corbiers Mas de Mas 2010 (França)
Quinta da Romaneira 2005 (Portugal)
Salton Gerações Paulo Salton (Brasil)
Casa de Pancas Seleção do Enólogo 2013 (Portugal)

ROSÉS

Muito Bom:
L'Opale de La Presqu'île de Saint Tropez 2013(França)
Quinta do Romeu Rosé 2013 (POrtugal)
Kaiken Rosé 2012 (Argentina)


FORTIFICADOS/SOBREMESA

Excepcional:
Tokaji Aszúeszencia Andrássy 2006 (Hungria)
Oloroso Extra Viejo El Maestro Sierra (Espanha)


Excelente/Excepcional:
Moscato di Scanzo Biava 2008 (Itália)

Excelente:
Wine & Soul Tawny 10 anos (Portugal)
Giallo Vino da Tavola Passito Biava (Itália)
Errazuriz Late Harvest Sauvignon Blanc 2011 (Chile)
Adriano Ramos Pinto Reserva Porto (Portugal)
Royal Oporto 10 anos (Portugal)
Vin Santo del Chianti Legnaia 2009 (Itália)
Tokaji Pendits Aszú 6 Puttonyos 2004 (Hungria)
Château Les Justices Sauternes 2006 (França)

Muito Bom:
Quinta do Crasto Reserva Porto LBV 2006 (Portugal)
Grandjó Late Harvest 2007 (Portugal)
Quinta do Crasto LBV 2006 (Portugal)
Quinta da Romaneira Tawny 10 anos (Portugal)

domingo, 28 de dezembro de 2014

Bobal deSanjuan DOP 2011


Tipo: Tinto.
Produtor: Bobal deSanjuan.
Origem: Utiel-Requena, Espanha.
Visual: Cor rubi bem clara e brilhante.
Olfato: Especiarias, leve frutado, predominando frutas como morangos, além de um leve toque de grama cortada.
Paladar: Leve, equilibrado e agradável, com sabor frutado e discreta baunilha.
Outras considerações: Elaborado 100% com a variedade Bobal (cepa espanhola bastante resistente, também conhecida como Valenciana) este tinto lembra um Pinot Noir do Novo Mundo. Tem 12,5% de álcool e não passa por barricas. A safra de 2011 ganhou 90 pontos de Robert Parker.

Classificação: Muito Bom.
Preço: R$ 45 [www.wine.com.br]

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Pernambuco ganha seção da Associação Brasileira de Sommeliers


A Associação Brasileira de Sommeliers (ABS) acaba de fundar mais uma seção. Desta vez, o Estado contemplado foi Pernambuco. A nova regional ministrará cursos sobre vinhos em todos os níveis, desde o básico até o profissional.

O evento comemorativo de fundação aconteceu semana passada, no restaurante Rui Paula, no Recife.

A diretoria é formada por José Roberto Dantas (presidente) e Marco Antônio Freitas (vice). Também fazem parte da chapa Otávio Moraes, Hermilo Borba, Maurício Dias e Flávio Henrique.


A ABS - A associação Brasileira de Sommeliers, é uma associação sem fins lucrativos, que tem por objetivo difundir a cultura nacional e de outros países, relacionada ao cultivo, produção, elaboração,experimentação e avaliação do vinho e outras bebidas, bem como qualificar pessoas interessadas em se tornarem especialistas no conhecimento de todas as fases de produção e prova de vinhos e outras bebidas ou profissionais do ramo de serviços do vinho e outras bebidas (sommeliers).