terça-feira, 22 de abril de 2008

Baccio - 2006


A vinícola Campo Largo é considerada a maior empresa de vinhos de mesa do Brasil. Localizada na Serra Gaúcha, tem em seu catálogo apenas dois vinhos finos, ambos produzidos com a uva Cabernet Sauvignon.

Um deles é o Baccio, vinho jovem que conquistou medalha de ouro no concurso Vinalies Internationales 2007, promovido pela Associação de Enólogos da França. Não é um vinho excepcional, apenas um rótulo com bom custo-benefício para ser bebido no dia-a-dia.

A safra 2006 tem coloração vermelho rubi bastante escura e aromas de chocolate e frutas secas. Na boca, taninos equilibrados e sabor de frutas secas e vermelhas. Apresenta 12% de álcool em sua composição.

Custa por volta de R$ 13. No Recife pode ser encontrado na Vinhos Recife (81) 3426-2090‎.

1 comentário

Anônimo disse...

Moro em Florianópolis e, por aqui, encontra-se a garrafa por menos de R$10,00, o que o torna um excelente custo/benefício para o dia-a-dia, comparando-se aos vinhos argentinos que custam cerca de 50% mais e uma mesma pontuação: Santa Carolina, Gato Negro, etc.
Há alguns dias encontrei uma garrafa da safra 2001 que, para minha surpresa, ainda não havia "vencido". Pude apreciar aromas de mel e cranberries maduros por R$8,90. Barbada!