quarta-feira, 16 de abril de 2008

Enoteca Fasano mostra argentinos e chilenos no Wiella


Muito interessante a degustação de vinhos argentinos e chilenos realizada ontem no Wiella Bistrô, no Recife. A simpática e competente sommelier da Enoteca Fasano, Ana Paula Oliveira, conduziu o evento apresentando rótulos de uvas tintas de duas vinícolas ainda pouco conhecidas pelo consumidor brasileiro: Joffré & Hijas (Argentina) e Tres Palacios (Chile).

Neste post comentarei os dois vinhos arentinos degustados. Primeiro, um breve histórico sobre a R.J. Viñedos, produtora do Joffré & Hijas. A vinícola está localizada em Luján de Cuyo, Mendoza, e seus vinhedos no Valle de Uco. Segundo explicou Ana Paula, o proprietário da empresa, Raul Jofré, nasceu na França e, numa visita à Argentina, se apaixonou pela região de Mendoza, tendo fixado moradia lá desde 1998. O nome “Hijas” vem das suas quatro filhas, que o auxiliam na condução dos negócios.

A seguir, os dois argentinos degustados:

Joffré & Hijas Gran Merlot, 2003 (R$ 66) – Na minha opinião, o melhor da noite. Apesar dos seus 14,5% de álcool é um vinho bem equilibrado. Cor vermelho rubi e aromas muito agradáveis de frutas vermelhas, especiarias e tabaco. Passa dez meses em carvalho. O paladar mostra a maciez típica da Merlot, com taninos finos e boa acidez. Um excelente vinho!

Mas não fui só eu quem elegeu o Grand Merlot o vinho da noite. Também concordaram o professor e estudioso de vinhos Ivan Miranda e o sommelier do Wiella Bistrô, Otoniel da Costa.

Joffré & Hijas Gran Malbec, 2005 (R$ 66) – Levou medalha de ouro no concurso mundial Malbec al Mundo, realizado em 2006. Elaborado a partir de uvas maduras colhidas à mão, passa por dez meses em barricas de carvalho francês. O aroma floral impressiona. Porém, na boca, apresentou acidez um pouco acentuada no final. Tem bom corpo e persistência. Foi a minha terceira escolha da noite entre os quatro vinhos degustados.

Ambos estão à venda na distribuidora Max Brasil (Recife) - (81) 3228.8080