terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Piauí pode produzir vinho, diz empresário português

Fonte: GP1
O empresário português João Santos disse ao governador do Piauí, Wellington Dias, que espera ter o seu Estado produzindo e participando da Rota do Vinho, já que possui terras semelhantes às pernambucanas e também começa a investir na fruticultura. O anúncio foi feito durante uma visita a Petrolina, pólo produtor de vinho em Pernambuco.

João Santos é o proprietário da ViniBrasil, vinícola instalada em pleno semiárido nordestino, que produz o vinho Rio Sol. O empresário, que levou Wellington Dias para conhecer os parreirais e as instalações da vinícola, afirma que esta é a melhor região do mundo para a produção de vinho de qualidade, pois conta com solo, luz e água adequados. Segundo ele, se o Piauí dispõe de condições semelhantes também pode ter uvas de altíssima qualidade destinadas à produção de vinho, com a vantagem de já dispor de tecnologia.

Ele conta que, no início, ninguém acreditava que se pudesse produzir vinho no semiárido do Nordeste, “mas estamos mostrando que isso é possível”. Hoje, a ViniBrasil exporta o vinho Rio Sol para 22 países, entre eles Inglaterra, Finlândia, Canadá, Estados Unidos, Portugal e Cuba. “Você pode encontrar nosso vinho em Londres até mesmo no supermercado que é usado pela família real inglesa”, festeja João Santos.

Antes da visita à vinícola, o governador Wellington Dias visitou um campo de experiências e a sede da Embrapa Semiárido, que desenvolve pesquisas em diversas áreas, principalmente na fruticultura.