segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Maior “prova cega” de vinhos do mundo dá destaque a rótulo português

Três brasileiros também ganharam medalhas

O concurso Mundus Vini 2010, considerada a maior “prova cega” de vinho do mundo, realizada este mês na Alemanha, escolheu o rótulo Duas Quintas Douro Reserva 2007 (foto), do produtor Adriano Ramos Pinto, como o melhor vinho tinto da Europa.

O melhor vinho branco europeu foi o austríaco Edition Chremisa Grüner Veltliner 2009.

Três vinhos brasileiros foram premiados no concurso: o espumante Natural Brut Aurora Chardonnay (ouro), o Casa Valduga Chardonnay 2009 (ouro) e o espumante Gran Legado Champenoise Brut (prata).

Foram inscritos no concurso 5.883 rótulos de 42 países. O júri, composto de 285 especialistas internacionais, provou todos os vinhos conforme o regulamento da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV).

A lista completa dos ganhadores pode ser conferida no site do Mundus Vini.