terça-feira, 12 de abril de 2011

Masi Passo Doble Tupungato - 2007


Provei ontem um vinho que já tinha guardado há algum tempo e que tinha uma certa curiosidade em prová-lo. É produzido na Argentina, na região do Tupungato (Mendoza), pelo produtor italiano Masi, considerado o rei do Amarone (famoso vinho feito no Vêneto com uvas passificadas).

No rótulo, os dizeres “natureza argentina, estilo vêneto” dão a indicação de que temos algo diferenciado, pois é um vinho feito com a uva mais popular na Argentina, a Malbec, junto com a italiana Corvina, ligeiramente passificada. Essas uvas vêm de vinhas com mais de 30 anos. A maturação da bebida foi de 9 meses em carvalho.

O vinho adquiriu uma cor rubi bem opaca e apresenta lágrimas violáceas. Um halo aquoso bem definido forma-se ao redor da bebida, dentro da taça. Na boca surgem frutas vermelhas, azeitonas e toques empireumáticos.

Na boca é um vinho com uma acidez diferenciada, que pede comida (carnes vermelhas e massas com molhos escuros). As frutas estão novamente presentes junto com notas de café. Um corte exótico, que com certeza vai melhorar na garrafa. Comprarei outro e guardarei por pelo menos uns cinco anos.

Classificação: Muito Bom (deve melhorar com a guarda)
Faixa de preço: R$ 40

2 comentários

Rodrigo disse...

Cara Fabiana,

onde podemos encontrar este vinho em Recife?

grande abraço e parabéns pelo excelente blog

Rodrigo Morais

Fabiana Gonçalves disse...

Olá, Rodrigo

Comprei este vinho na Mistral de Belo Horizonte. Aqui no Recife tem no Club du Vin, porém lá o preço deve ser superior a este.

Abraços,
Fabiana