segunda-feira, 6 de junho de 2011

1ª degustação virtual de vinhos do Brasil foi um sucesso

Foi um sucesso a 1ª degustação virtual de vinhos do Brasil promovida na última sexta-feira (03) pelo Instituto Brasileiro do Vinho (IBravin). A participação dos enoblogueiros foi intensa, com uma interessante troca de impressões sobre os dois rótulos experimentados na noite (inclusive, uma escolha muito feliz dos organizadores).

Parabenizo o Ibravin pela iniciativa e os colegas confrades pela participação, que tornaram aquele momento uma experiência única.

A seguir, as minhas impressões sobre os vinhos degustados:

Pizzato Brut - 2009

Produtor: Pizzato Vinhas e Vinhos.
Origem: Vale dos Vinhedos, Brasil.
Visual: Cor amarelo palha com reflexos esverdeados. Bonita e duradoura coroa de espuma, bolhas finas e persistentes.
Olfato: Boa gama de aromas. Predomínio de maracujá, com notas florais, fermento e frutas secas.
Paladar: Boa cremosidade e acidez. Bastante frutado, chegando a transmitir uma certa doçura no primeiro momento.
Outras considerações: Um espumante refrescante, que é uma boa opção para festividades. Cai bem tanto com canapés quanto com frutos do mar. Elaborado com as uvas Chardonnay (70%) e Pinot Noir (30%). A segunda fermentação foi feita na própria garrafa. Apenas 7 mil rótulos foram produzidos.

Classificação: Muito Bom.
Faixa de preço: R$ 40.

Lídio Carraro Merlot Grande Vindima – 2005

Produtor: Lidio Carraro.
Origem: Encruzilhada do Sul, Brasil.
Visual: Cor rubi com tons granada. Lágrimas tintas em abundância. Apresenta sedimentos.
Olfato: Muita fruta madura, café e chocolate. Evolui muito na taça, ganhando novos aromas, como frutas vermelhas em compota e notas terrosas.
Paladar: Um vinho elegante, de taninos macios e boa acidez. Discreto na boca comparando-se ao nariz. Fruta e café predominam, de maneira delicada. Corpo médio.
Outras considerações: Tinto elaborado apenas em safras excepcionais, 100% com a uva Merlot, vindas de quatro parcelas diferentes de terras da Encruzilhada do Sul. Estagiou mais de 14 meses em tanques de inox até o engarrafamento e não foi filtrado. Um vinho que vai muito bem com carnes vermelhas e massas com molhos escuros. Ainda tem potencial de guarda por mais alguns aninhos. Tem 14,2% de graduação alcoólica.

Classificação: Muito Bom.
Faixa de preço: R$ 110.

2 comentários

Vinhos de Corte disse...

Fabiana, também achei ótima escolha. Gostei bastante dos vinhos.

Um abraço

Daniel Perches

Vinhos de Corte disse...

Fabiana, também gostei bastante da seleção de vinhos.
Um abraço

Daniel Perches