terça-feira, 9 de agosto de 2011

Exportações da Miolo “decolam” no primeiro semestre e ultrapassam vendas de 2010

O volume das exportações da brasileira Miolo Wine Group no primeiro semestre de 2011 aumentou em incríveis 85%. O fato se deu pelo crescimento de vendas nos mercados europeus e a conquista de novos importadores. O número dos seis primeiros meses de 2011 significa o mesmo volume exportado em todo o ano de 2010, cerca 240 mil garrafas. O faturamento no período cresceu 82%.

Além do aumento de negócios com o Reino Unido, Holanda e Alemanha, que juntas representam 62% das exportações do grupo, a Miolo conquistou o mercado chinês, que já representa 14% das suas vendas internacionais.

Outras novidades ficam por conta da importadora Bibendum, da Inglaterra, que passará a comercializar o vinho Sesmarias, e da rede irlandesa Superquinn, que oferecerá a seus clientes os vinhos Reserva Merlot e Reserva Pinot Grigio.

A meta da Miolo até o final de 2011 é exportar US$ 1,8 milhão.

1 comentário

Andy disse...

Pobre Bibendum... Os ingleses não merecem o "Seis Afemarias"... O consumidor do Reino Unido vai usar esse vinho no máximo pra cozinhar.

É isso aí, Miolo... vendam bastante! Quem sabe um dia aprendam a fazer vinho decente.