segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Avaliação Nacional escolhe 16 vinhos mais representativos do Brasil

Durante cerimônia, governador do RS diz que recursos para o setor vitivinicola serão duplicados

O Brasil já conhece os 16 vinhos mais representativos da safra 2011. O resultado foi divulgado neste sábado (24), durante a 19ª Avaliação Nacional de Vinhos do Brasil, realizada em Bento Gonçalves, no Rio Grande do Sul. O evento, do qual tive a oportunidade de participar com degustadora a convite do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), contou este ano com um número recorde de amostras inscritas: 383.

Um grupo de 116 especialistas esteve envolvido na avaliação dos vinhos para conseguir identificar os 16 rótulos mais representativos da safra deste ano. Vale ressaltar que a maioria dos vinhos avaliados ainda estão em tanques.

Na cerimônia, acompanhada por um público recorde de 280 pessoas, 16 degustadores (um deles sorteado entre o público presente) comentaram as amostras escolhidas. Mas antes disso, o governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, anunciou investimentos para o setor vitivinícola gaúcho, deixando produtores e o público animado.

Segundo o governador, os recursos destinados à promoção do vinho brasileiro, através do Fundovitis, serão duplicados. Este ano, R$ 5 milhões estão sendo repassados. No ano que vem, a quantia deverá ser de R$ 10 milhões.

Genro ainda afirmou que região da Campanha deverá receber um laboratório de enologia para o estímulo da sua produção e já tem uma verba garantida de R$ 3,6 milhões.

AVALIAÇÃO – Participaram da avaliação, enviando amostras, 72 empresas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Bahia, São Paulo e Minas Gerais. Foram 73 bases para espumante (vinho que dará origem ao espumante), 61 brancos não aromáticos, 29 brancos aromáticos. 12 rosés secos, 22 tintos jovens e 186 tintos.

Os enólogos avaliadores foram divididos em quatro grupos, escolhendo 30% de cada categoria. Destes, eles chegaram aos 16 mais representativos.

Confira a lista dos vencedores:

BASE PARA ESPUMANTES

>>DOMNO DO BRASIL (Chardonnay)
>>CASA VALDUGA (Chardonnay)
>>AURORA (Riesling)

BRANCOS NÃO AROMÁTICOS

>>NOVA ALIANÇA (Chardonnay)
>>GÓES E VENTURINI (Charonnay)
>>DON GIOVANI (Charonnay)

BRANCOS AROMÁTICOS

>>PERINI (Moscato R2)
>>DON GUERINO (Moscato Giallo)

ROSÉ SECO

>>ALMADÉN (Cabernet Sauvignon)

TINTOS JOVENS

>>SALTON (Merlot)

TINTOS

>> BASSO (Merlot)
>>LUIZ ARGENTA (Merlot)
>>ALMAÚNICA (Syrah)
>>RASIP AGROPASTORIL (Cabernet Sauvignon)
>>GHELLER (Tannat)
>>SEIVAL ESTATE (Tannat)