segunda-feira, 22 de outubro de 2012

As boas do vinho argentino


Com este post, inicio uma série chamada “As boas do vinho argentino”. Através dela, pretendo retratar o melhor do que pude absorver durante os nove dias em que participei de um “enotour” pelas terras argentinas, incluindo Mendoza , San Rafael (na província de Mendoza) e Neuquén (Patagônia), com degustação também dos vinhos de Salta, realizada em Buenos Aires.

A viagem foi promovida pela Wines of Argentina (WofA), instituição que divulga a imagem dos vinhos argentinos pelo mundo, e pelo Consejo Federal de Inversiones (CFI), responsável por promover as províncias e regiões daquele país.

As duas entidades convidaram um grupo de jornalistas e blogueiros brasileiros para conhecer mais a fundo as novidades e tradições enológicas daquele país.

Junto nesta jornada, estiveram os colegas André “Déco” Rossi (representante da Wines of Argentina no Brasil), Beto Duarte (blog Papo de Vinho), Eduardo Milan (editor de vinhos da Revista Adega) e Maurício Tagliari (blog Mais um Gole).

Ao todo, foram contabilizados 250 vinhos degustados, 16 vinícolas visitadas e encontros com outros 26 produtores.

Continue acompanhando nos próximos posts.

Hasta luego!