segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Domaines Ott: elegância e frescor da Provence


Continuando com o relato sobre a degustação dos vinhos do grupo Louis Roederer, promovido na última semana pela Licínio Dias (LD) Importação no Recife, trago aqui agora as minhas impressões sobre os vinhos do Domaines Ott, um dos produtores mais notáveis da região francesa da Provence.

Fundada em 1896, a casa foi adquirida em 2004 pela Roederer. Porém, a família Ott continua imprimindo seu estilo aos destinos do negócio e, atualmente, os primos Christian e Jean-François estão à frente da vinícola. A casa conta com três propriedades distintas, onde produz rosés de altíssima qualidade, mas também brancos e tintos muito distintos.

Confira as minhas impressões sobre os vinhos provados:

Les Domaniers Rosé 2014


Cor salmão e aromas delicados de frutas frescas do bosque, como morango e framboesa, além de um toque mineral. Paladar leve, delicado, de boa acidez, que traz de volta as características do olfato. Elaborado com Grenache (65%), Cinsault (25%) e Syrah (10%).

Classificação: Muito Bom.
Média de preço: R$ 129

Clos Mireille Rosé Coeur de Grain 2014


O termo Couer de Grain quer dizer que o vinho foi produzido com as melhores uvas e possui qualidade superior. Este tem em sua composição as variedades Grenache (65%), Cinsault (22%) e Syrah (13%). Mostrou na taça uma coloração casca de cebola, trazendo para o olfato notas minerais, de melão, damasco e pêssego, junto com um leve toque de mel. Paladar de ótima acidez e mineralidade, untuoso, longo e elegante. O sabor reproduz as sensações do nariz.

Classificação: Excelente/Excepcional.
Média de preço: R$ 299

Clos Mireille Blanc de Blancs 2014


Feito com as variedades Sémillon (70%) e Rolle [Vermentino] (30%), possui cor amarelo palha com reflexos dourados. Aroma muito agradável e envolvente, com notas cítricas, de flor de laranjeira, capim santo e mel. Boa presença de boca, com incrível acidez e final persistente. O sabor é equivalente às características olfativas, com boa presença mineral. Encantador.

Classificação: Excelente.
Média de preço: R$ 239

Château Romassan Rouge Bandol 2012


Produzido com uvas Mourvèdre (90%) e Grenache (10%) cultivadas na denominação de Bandol, onde os rendimentos por videira são muito baixos, é um tinto leve e muito elegante. Possui cor rubi pouco profunda e o aroma traz notas de frutas vermelhas e negras, mentol e café. Na boca mostra-se leve, de taninos finos, com final saboroso.

Classificação: Excelente.
Média de preço: R$ 299

No Recife, os vinhos Louis Roederer/Domaines Ott podem ser encontrados em lojas como Casa dos Frios, Portus, Diplomata Delicatessen e DLP Distribuidora. Em Olinda, na Tia Dulce.