terça-feira, 3 de março de 2015

Presidenta Dilma pode não saber governar, mas pelo menos sabe comprar vinho


Uma notícia no mínimo curiosa foi veiculada na imprensa brasileira neste último final de semana. Em visita ao Uruguai, a presidenta Dilma Rousseff foi flagrada no sábado (28), fazendo compras em um supermercado em Montevidéu.

Além de doce de leite e queijo, a petista levou na sacola, segundo o jornal "Estadão", um vinho tinto Tannat Viejo H. Stagnari - que por sinal é um ótimo vinho daquela nacionalidade.

Aliás, já falei aqui no blog sobre a safra de 2007 deste vinho. Confira novamente as minhas impressões:

Tannat Viejo H. Stagnari 2007



Produzido por Héctor Stagnari com uvas da variedade Tannat da região de La Caballada, no Uruguai, o vinho estagiou por 12 meses em barris de carvalho e mais seis meses em garrafa.

A cor é rubi profunda e brilhante com reflexos violáceos. Os aromas são complexos, com características de frutas vermelhas maduras, notas florais e especiarias. Na boca, mostra a adstringência típica da uva Tannat, porém com taninos de qualidade ímpar. É um vinho “carnudo”, que enche a boca com os sabores de fruta madura, como o jambo, além de chocolate e baunilha, com uma pitada de especiarias. Tem um final deliciosamente longo. Sua graduação alcoólica é de 14%.

Importado pela Cantu, custa no Brasil entre R$ 70 e 80. Excelente vinho!

4 comentários

Anônimo disse...

Não acho que ela saiba comprar. Afinal, este vinho custa muito barato no Brasil. Ela tinha inúmeras alternativas a este H.Stagnari, que é bom, mas não é excelente.
Sds,
Jorge

Fabiana Gonçalves disse...

Caro Jorge,

Eu não acho um vinho de R$ 80 "muito barato". Lá no Uruguai, onde também já tive oportunidade de compra-lo, aí sim, é barato. Acho que ela foi feliz na escolha: um vinho bem feito, porém de preço acessível. Se ela quisesse comprar um grande vinho, acredito que não faria em um supermercado.

Abraços,
Fabiana

Anônimo disse...

Olá Fabiana,
Você tem razão. Talvez ele não seja mesmo "muito barato". Mas já o encontrei por pouco mais de 50 Reais onde moro. É um bom vinho, mas mesmo em supermercados no Uruguai, dá para encontrar melhores.
Gostei muito do título de seu post. Realmente ela não sabe governar.
Sds,
Jorge

Rodrigo disse...

Peraí? Ela comprou queijo? Mas nós não podemos trazer queijo de fora do país, pelas regras da vigilância sanitária! Ela comeu todo o queijo no hotel?