sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Vinho pode ser incluído na cesta básica brasileira

Com informações da Agência Câmara

Em análise na Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei 5965/13, de autoria do deputado Edinho Bez (PMDB-SC) tem a proposta de incluir o vinho entre os produtos que compõem a cesta básica nacional.

Segundo o parlamentar, a bebida é considerada, em vários países do mundo, um complemento alimentar essencial. “O vinho é importante para a circulação, coração, pele, estimulante, entre outras vantagens como alimento”, observa.

Além de incluir o vinho, o projeto altera a composição da cesta básica para garantir que ela seja a mesma em todo o país. Hoje a composição varia conforme a região.

A cesta básica das regiões Sul e Sudeste tem, por exemplo, mais carne e leite do que a do Nordeste. Em compensação, no Nordeste a cesta tem mais farinha e arroz. O deputado lembra que a cesta serve de parâmetro para o valor do salário mínimo.

O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural; de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.


1 comentário

Anônimo disse...

Não tenham muitas expectativas. Projeto similar chegou a ser APROVADO em 2006 na Assembleia Legislativa do RS e os médicos e nutricionistas fizeram tanto barulho que o governador VETOU a lei…