segunda-feira, 4 de abril de 2016

Casa Perini Tannat 2002 (#CBE)

Basta o mês começar para ter post da Confraria Brasileira de Enoblogs (CBE) aqui no blog. Neste mês de abril, o tema da nossa degustação foi sugerido pelo confrade Gustavo Kauffman, do blog Enoleigos. Sua pedida foi a seguinte: "Vinho Sul-Americano com 10 anos de vida ou mais. Vamos ver como nossos vinhos, e de nossos hermanos, tem amadurecido!".

Adorei a ideia! Mas como não tinha nenhum vinho sul-americano com essa idade na adega, resolvi resgatar as anotações sobre um que tomei há um tempo e ainda não havia comentado por aqui.

Segue a minha escolha:


Tipo: Tinto.
Produtor: Casa Perini.
Origem: Vale Trentino, Serra Gaúcha, Brasil
Visual: Cor granada profunda.
Olfato: Frutas em compota, mentol, couro e tabaco.
Paladar: Encorpado e seco, com taninos presentes. O sabor segue a mesma linha do olfato. Final prolongado e madeira integrada.
Outras considerações: Elaborado 100% com uvas Tannat, este vinho evoluiu muito bem na garrafa. Quem ainda tiver dele, já está no tempo de tomar. Forma um par perfeito com carnes vermelhas. Para quem gosta do estilo, é uma boa pedida!

Classificação: Bom.
Média de preço: A safra 2002 não está mais no mercado. As garrafas de safras mais recentes custam por volta de R$ 35. Vale a pena comprar e guardar para sentir a sua evolução.